ANFITRIÕES DO AIRBNB EM CUBA PORDEM RECEBER HÓSPEDES DE TODO O MUNDO

No primeiro aniversário da plataforma em Cuba, a companhia abre suas portas para viajantes que querem ter a autêntica experiência do Airbnb

Atualmente, o Airbnb (www.airbnb.com.br), maior comunidade de hospedagem alternativa do mundo, anuncia que, a partir do dia 2 de Abril, passará a oferecer acomodações em Cuba para viajantes de todo mundo. A data comemora o aniversário de um ano da plataforma na ilha.

Como parte dos esforços do Governo Obama para aprimorar as relações com Cuba, em menos de um ano após o País abrir suas fronteiras apenas para viajantes americanos, o Airbnb foi agraciado com uma autorização especial concedida pelo Departamento do Tesouro dos EUA autorizando a empresa a prover acomodações para viajantes que não sejam americanos. Isso vai dar para todos a oportunidade de verdadeiramente experimentar Cuba por meio dos anfitriões do Airbnb e sua vizinhança.

O Airbnb foi construído em nossa crença de que você pode pertencer a qualquer lugar. Nós encorajamos a todos para visitar seus vizinhos, conhecer novas pessoas, fazer novos amigos e experimentar novos lugares como um local” diz Nathan Blecharczky, Co-fundador do Airbnb. “E, em menos de um ano, este tipo de experiência pode ser comprovada realmente por mais de 13 mil hóspedes por todos os 50 Estados dos EUA. Agora poderemos oferecer o mesmo sentimento de pertencer ao mundo para todos os viajantes de qualquer país no globo, enquanto fazemos nossa parte em preservar o que faz de Cuba tão especial e única.” afirma o executivo.

Cuba é conhecida por sua ampla rede de casas particulares, por suas moradias de alugueis de temporada tradicionais que são administradas por pequenos empreendedores e que têm sido uma opção muito popular entre os visitantes para acomodação por muitos anos. Aproximadamente 4 mil donos de casas particulares incluíram suas residências na comunidade global do Airbnb, fazendo de Cuba o mercado que mais cresceu na história da plataforma. Até agora, estes anfitriões do Airbnb têm ganhado, em média, US$ 250.00 por reserva.

Atualmente, as acomodações no Airbnb estão espalhadas por quase 40 cidades e vilas diferentes no Pais, com mais ou menos um terço de anúncios fora de Havana, capital de Cuba, incluindo localidades como Trinidad, Viñales, Santiago de Cuba, Matanzas e Cienfuegos. Para se hospedarem, todos os viajantes precisam comprovar que estão viajando para o País dentro de uma das 12 categorias de licenças como indicado na plataforma durante o procedimento de reserva.

Mesmo que os viajantes de muitos países tenham sido anteriormente capazes de visitar Cuba, agora eles terão acesso aos benefícios disponíveis na plataforma do Airbnb, como toda a segurança nas transações financeiras feitas no site, perfis e reviews, facilidade na comunicação com os anfitriões e proteção do time de Trust & Safety do Airbnb. Da mesma forma, os anfitriões cubanos desfrutam de proteção e benefícios que só Airbnb oferece, incluindo o programa de Garantia ao Anfitrião da plataforma, que reembolsa até US$ 1 milhão em caso de danos à propriedade.

Sobre o Airbnb – Fundado em agosto de 2008 e sediado em São Francisco, na Califórnia, o Airbnb é uma plataforma que administra uma comunidade confiável para que as pessoas anunciem, descubram e reservem espaços diferenciados pela Internet (via computador, tablets ou por celular). Seja um apartamento por um dia, um castelo por uma semana, uma vila por um mês, o Airbnb conecta pessoas em experiências de viagem únicas, a qualquer faixa de preço, em mais de 34.000 cidades e 190 países. Com serviços globais de atendimento a clientes e uma comunidade de usuários crescente, o Airbnb é a solução para as pessoas monetizarem seus espaços extras e mostrá-los a uma plateia de milhões de pessoas.

Anúncios

Sobre alicevarajao

Sou jornalista, portuguesa radicada no Brasil. Vivo e trabalho em Curitiba e de quando em quando viajo para conhecer novos sítios, cidades, vinícolas e restaurantes. Trabalho com Assessoria de Imprensa e criei meu próprio site há mais doze anos. Divulgar a arte e cultura. Este é para o segmento de Gastronomia e Turismo. Pois a culinária e cozinha de um povo também é cultura e o turismo nos traz conhecimento e aprendizados com hábitos e costumes diferentes. Vamos ao trabalho!
Esse post foi publicado em Tecnologia, Turismo. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s