TRADIÇÃO FRANCESA TRAZ O QUEIJO ANTES DA SOBREMESA

Que tal fazer como os franceses e provar uma bela seleção de queijos para iniciar ou finalizar uma refeição?

Não é novidade que o queijo é um patrimônio histórico francês. Diante da enorme diversidade existente, a cultura de servir o queijo após o prato principal nasceu na França no século XVI.  Por lá, este costume faz parte do ritual na maioria dos restaurantes, mas aqui no Brasil ainda é pouco difundido.

Segundo especialistas os queijos neutralizam a adstringência dos alimentos e preparam o paladar para a doçura da sobremesa. De acordo com a tradição, a porção de queijos deve conter, pelo menos, um queijo mole, um blue cheese, um queijo duro e um queijo fresco.17382726092017_queijo_lavarenne.jpg

Em Curitiba, o restaurante franco-italiano La Varenne serve a porção de queijos desde a sua abertura em 2014. Para o chef da casa, Felipe Miyake, é uma ótima sugestão para quem não gosta de doces, mas quer uma opção para finalizar a refeição após o prato principal. E, seja para dar início a uma refeição ou para finalizá-la, o queijo é um produto versátil que, em geral, agrada e muito o paladar dos brasileiros. Confira algumas dicas do chef Felipe de como e em qual momento consumir esta iguaria:

ANTES DA SOBREMESA: A seleção pode ser composta por Cammembert e Brie; Gorgonzola Dolce e Roquefort Saint Agur, Pecorino Romano, e um queijo fresco que pode ser de leite de cabra, ovelha ou de vaca. No La Varenne o toque especial fica por conta do mel trufado que é aromatizado no próprio restaurante.

COMO APERITIVO: Para quem optar pela porção de queijos como aperitivo a sugestão é não utilizar o mel trufado para não atrapalhar o paladar para os pratos que virão na sequência.

PARA FINALIZAR A REFEIÇÃO: Quem desejar substituir a sobremesa pela porção de queijos pode harmonizar com um vinho do Porto que é a bebida mais indicada.

Para uma degustação perfeita: 

•  É fundamental deixar os queijos fora da geladeira 1 hora antes de servir para ele voltar ao seu estado natural.

•  Se for compor o prato em casa, prefira materiais como vidro, madeira, ardósia ou cerâmica. Pratos em metal, podem interferir no sabor do queijo.  Não são recomendados

•  Não deixe os queijos muito juntos para que eles não se toquem. Coloque uma faca para cada queijo, assim os sabores não se misturam.

•  Tente degustar do mais leve ao mais forte. Assim um não interferirá no sabor do outro.

•  Acompanhamentos: No mesmo prato você pode inserir outros itens como manteiga sem sal de boa qualidade, (as francesas são as melhores). Geléias não muito doces e nem muito ácidas, frutas secas e algumas nuts.

 

La Varenne fica o Pátio Batel na Avenida do Batel, 1.868 – Piso L4, Curitiba/PR |  Horário de funcionamento: Segunda a sábado, almoço das 11h30 às 15h / Jantar – Segunda a quinta das 19h às 23h e sexta e sábado das 19h às 24h. Domingo das 12h às 17h | Reservas: (41) 3044-6600.
Anúncios

Sobre alicevarajao

Sou jornalista, portuguesa radicada no Brasil. Vivo e trabalho em Curitiba e de quando em quando viajo para conhecer novos sítios, cidades, vinícolas e restaurantes. Trabalho com Assessoria de Imprensa e criei meu próprio site há mais doze anos. Divulgar a arte e cultura. Este é para o segmento de Gastronomia e Turismo. Pois a culinária e cozinha de um povo também é cultura e o turismo nos traz conhecimento e aprendizados com hábitos e costumes diferentes. Vamos ao trabalho!
Esse post foi publicado em Gastronomia, Queijos, Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s